Lorem Ipsum is simply 

Lorem Ipsum is simply 

My Image

About

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry

Conselhos fitness para começar 2017 com tudo!

31/05/2017 12:07:48

Pyter Bruno

Você tem notado os resultados da academia? Veja as dicas abaixo e ajuste nos seus treinos para turbinar ainda mais os exercícios.

1. Treinos curtos e intensos

É melhor colocar o corpo para trabalhar cinco vezes por semana por pouco tempo e de maneira vigorosa do que suar a camisa apenas dois dias durante várias horas. As séries menores e mais intensas proporcionam um gasto maior de calorias. O bom disso é que é muito mais fácil reservar 30 ou 40 minutos do seu dia para uma atividade física do que uma hora ou duas. Se o treino for intenso ele não precisa mais do que 40 minutos.

2. Se você tem pouco tempo, não faça pausas

Se você não consegue ter muitas horas para malhar, faça treinos sem intervalos, no formato bi-set ou tri-set, converse com um profissional e adapte um treino nesse formato mais rápido. Você vai alternar dois, três ou vários exercícios sem parar entre eles. Fazer um circuito colocando a esteira, a bicicleta ergométrica ou o transport entre cada movimento é outra boa ideia.

3. Mantenha o abdômen contraído em todos os exercícios

Assim, a musculatura da região será sempre requisitada – e vai ficar mais torneada. A coluna, protegida, e a postura, melhorada, vão agradecer. De quebra, a atividade como um todo produz muito mais resultados. Para aprender, leve o umbigo em direção às costas, como se fosse fechar o zíper de uma calça muito justa, e prenda o perínio como se estivesse com vontade de fazer xixi.

4. Agachamentos? Não deixe de fazer!

Se os agachamentos forem realizados da maneira correta, recrutam todos os grupos musculares dos membros inferiores e do core, região que compreende a área do abdômen, da lombar e dos quadris. Além disso, existem muitas variações que podem ser usadas para tornear as pernas e os glúteos. É um exercício completo e que proporciona muitos resultados positivos. Lembre-se, porém, que deve ser executado corretamente e no limite de cada um. Consulte um profissional e agache bastante.

5. Exercícios que usam o peso do corpo, alterne eles com os aparelhos

As flexões de braço, prancha e exercícios em suspensão deixam as fibras musculares coordenadas e contribuem para maior qualidade dos movimentos. Além disso, esse tipo de movimento condiciona o corpo todo de uma vez e melhora a postura.

6. Reforce os músculos do quadríceps e os isquiotibiais

Eles estão localizados na frente e atrás das coxas, respectivamente, e trabalham em sinergia para equilibrar o corpo e sustentá-lo em situações estáticas e dinâmicas, como a caminhada, a corrida e os saltos. Se foram mantidos bem trabalhados, além de deixar as pernas torneadas, evitam dores e lesões nos joelhos e nas costas.

7. Mude seu treino periodicamente.

Peça para seu professor da academia fazer uma nova série a cada dois meses ou 20 treinos, em média. Precisamos mudar para que nosso corpo não se acomode e deixe de evoluir.

8. Cuide da sua postura

É muito comum nos esquecermos desse detalhe. Antes de começar, estique a coluna, como se estivesse sendo puxada pelo topo da cabeça, deixando-a alinhada com o tronco. Posicione os ombros longe das orelhas e faça uma rotação com eles para trás. Aliás, essa é a postura que a gente deveria sempre adotar, o tempo todo: peito para a frente e ombros para trás. É importante manter as costas fortalecidas também.

9. Água – Não se esqueça dela

Ela melhora o aproveitamento das vitaminas pelo organismo, leva o glicogênio, a fonte de energia dos músculos, até as células, controla o cansaço, favorece a circulação sanguínea, regula a temperatura corporal e diminui a incidência de câimbras. Durante o treino, beba cerca de 200 ml a cada 20 minutos, em média.

10. Não exagere

Por causa da ânsia de ver aquele corpão no espelho, muita gente faz atividades físicas em excesso e acaba se machucando. Assim, em vez da academia, acaba na clínica de fisioterapia ou, pior, no hospital. Outro cuidado para ficar longe de lesões é prestar atenção na realização de cada um dos movimentos, principalmente se estiver muito cansada ou com pressa.